Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Administração Pública > Servidores e gestores públicos conhecem o Guia de Métodos Ágeis do Sisp

Servidores e gestores públicos conhecem o Guia de Métodos Ágeis do Sisp

por publicado: 25/06/2015 21h00 última modificação: 30/07/2015 17h52

Publicação foi lançada durante seminário no Planejamento para divulgar método que agiliza desenvolvimento de software

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP) lançou nesta terça-feira (23) os Guias de Métodos Ágeis do Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (Sisp). A publicação foi apesentanda a cerca de 150 gestores e servidores públicos da área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) durante seminário no MP. 

O objetivo dos guias é orientar estes profissionais a adotarem dessas metodolgias na compra de equipamentos de TI na Administração Pública Federal, garantindio maior agilidade no desenvolvimento de software. 

Para Cristiano Heckert, secretário de Logística da Informação do MP, o uso do guia exige dos servidores dos 217 órgãos integrantes do Sisp um repensar completo dos modelos de contratação. “O método ágil requer uma nova postura do fornecedor, mas requer também, uma nova postura das áreas de TI contratantes das áreas requisitantes dos nossos negócios”, afirma Heckert.

Clony Nunes, servidor do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), destacou a importância da adoção do guia nos órgãos públicos. O servidor ressaltou que além padronizar a utilização do método, os órgãos podem ainda se basear em experiências de outras instituições que já fazem uso do guia.

Dentre os órgãos que utilizam as metodologias ágeis além do MP estão a Secretaria do Tesouro Nacional (STN), Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Tribunal Superior do Trabalho (TST), Instituto do Patrimônio, Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Banco Central do Brasil (Bacen).

A utilização desse modelo garante uma maior agilidade no desenvolvimento de softwares. A publicação está disponível no portal do Sisp.