Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Oportunidades > 2019 > Coordenador Regional do Processo de Administração e Finanças - Nível Superior - Anatel (AM)

Coordenador Regional do Processo de Administração e Finanças - Nível Superior - Anatel (AM)

por Ascom publicado 03/10/2019 17h07, última modificação 03/10/2019 17h07
Status: Aberto
Unidade de lotação: Gerência Regional nos Estados do Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima - GR11
Local de atuação: Manaus/AM
Nível de escolaridade: Nível superior
Cargo: Coordenador Regional do Processo de Administração e Finanças – GR11AF
Quem pode se candidatar:  Servidores ocupantes de cargo efetivo ou empregados públicos permanentes na Administração Federal direta e indireta. Na hipótese de empregado público, apenas serão aceitas inscrições de agentes públicos oriundos de empresas públicas ou sociedades de economia mista que recebam recursos do Tesouro Nacional para o custeio total ou parcial de despesas de pessoal ou para o custeio em geral.
Gratificação: Não há

Descrição da vaga



O processo seletivo visa o preenchimento de 01 (um) cargo comissionado técnico, código CCT-IV, com função de Coordenador Regional do Processo de Administração e Finanças – GR11AF, na Gerência Regional nos Estados do Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima - GR11, situada na cidade de Manaus, no Estado do Amazonas. Nível superior em qualquer área de formação, por instituição de ensino reconhecida pelo MEC. Poderão concorrer à vaga servidores/empregados públicos ocupantes de cargo efetivo ou emprego permanente na Administração Federal direta e indireta. Na hipótese de empregado público, apenas serão aceitas inscrições de agentes públicos oriundos de empresas públicas ou sociedades de economia mista que recebam recursos do Tesouro Nacional para o custeio total ou parcial de despesas de pessoal ou para o custeio em geral.

Atividades



Serão exercidas atividades como:

  • gestão administrativa;
  • gestão orçamentária e financeira;
  • gestão patrimonial;
  • gestão contábil;
  • gestão de contratos;
  • coordenar as atividades delegadas pela Portaria nº 323, de 3 de maio de 2013, bem como outras que vierem a ser delegadas;
  • reportar a sua Gerência as anormalidades e/ou não conformidades encontradas para as áreas afins;
  • realizar demais atividades que lhe forem atribuídas.

Requisitos


 

  • Nível superior em qualquer área de formação, por instituição de ensino reconhecida pelo MEC
  • Ocupar cargo efetivo ou emprego permanente na Administração Federal direta e indireta (art. 33 da Lei nº 10.871/2004). Na hipótese de empregado público, apenas serão aceitas inscrições de agentes públicos oriundos de empresas públicas ou sociedades de economia mista que recebam recursos do Tesouro Nacional para o custeio total ou parcial de despesas de pessoal ou para o custeio em geral.
  • Conhecimento em licitações públicas e contratos administrativos
  • Conhecimento sobre planejamento, orçamento e finanças públicas;
  • Conhecimento em gestão de bens de estoque e bens patrimoniais;
  • Conhecimentos básicos de gestão de projetos e processos.

Competência requerida


 

  • Compreender alguns sistemas disponibilizados pela Administração Federal, tais como: SEI, SICONV, etc.;
  • Ter conhecimento quanto as regras para um bom desempenho das atividades do Setor Público, quais sejam, os princípios da Administração Pública presentes no art. 37 da CF/88: de Legalidade; Impessoalidade; Moralidade Administrativa; Publicidade e Eficiência;
  • Ter experiência na atuação em projetos;
  • Conhecer a operacionalização do Sistema Eletrônico de Informações (SEI);
  • Ter domínio na elaboração de Projeto Básico, Termo de Referência, etc.;
  • Possuir conhecimento básico de fiscalização de contrato;
  • Desejável conhecimento em história e cultura afro-brasileira;
  • Experiência relacionada à guarda, preservação e disseminação de informações de acervo bibliográfico e documental;
  • Desejável experiência na celebração e fiscalização de convênios, termos de fomento e instrumentos congêneres.

Como se candidatar


 

Os interessados deverão inscrever-se no período de 07 a 21 de outubro de 2019, observado o horário oficial de Brasília, utilizando-se da caixa corporativa processoseletivo@anatel.gov.br, assunto “Processo Seletivo GR11”, informando, na mensagem, lotação, chefia imediata e telefone. Além disso, os candidatos deverão anexar à mensagem o currículo completo e a autoavaliação – disponível no Anexo III do Edital de Convocação nº 42/2019, referente a este processo seletivo.

Etapas

A seleção será realizada em 4 (quatro) etapas:

07/10 a 21/10/2019: inscrições
07/10 a 22/10/2019: análise de currículo
24/10 a 29/10/2019: entrevista individual com os candidatos selecionados
31/10/2019: divulgação do resultado

Anexo

Edital