Ajudar também ajuda!

por Ascom publicado 20/04/2020 17h36, última modificação 20/04/2020 17h50

Seja_solidário.pngVivemos um período em que precisamos manter nossa saúde física e mental fortes, para enfrentar a pandemia provocada pela Covid-19.

Mas cuidar da gente também inclui cuidar dos outros. Estudos já apontaram que ajudar o próximo aumenta a própria felicidade, diminui o estresse e gera maior satisfação ao indivíduo. O ato de se doar para o outro também ajuda a tirar o foco do problema.

Segundo a Organização Mundial da Saúde os primeiros cuidados psicológicos para quem passa por uma situação de extrema angústia incluem tanto o apoio psíquico quanto o social.

Então, aqui vão algumas dicas:

Leve tranquilidade

Converse com um vizinho, um amigo ou alguém da família que está sozinho em casa. Ligue para esta pessoa ou passe em frente a sua casa, chame-a na janela, pergunte como está e lembre-a de que não está sozinha.

Ajude nas compras básicas

Se você conhece alguém em situação de risco, como um idoso ou alguém com doença crônica, pergunte se está precisando de algo: ir ao mercado ou à farmácia para esta pessoa já será um ato bastante generoso!

Seja solidário

O isolamento social suspendeu a renda de muita gente, especialmente dos trabalhadores informais. Portanto, outra grande ação neste momento é a doação de alimentos e produtos de higiene pessoal, especialmente sabonete, álcool gel e máscaras.

Se você não conhece alguma família que está precisando, descubra, na sua cidade, alguma entidade que está recebendo doações e contribua!

Doe sangue

Os bancos de sangue têm registrado uma queda acentuada em seus estoques, devido a esta situação de isolamento social e o medo do contágio pelo coronavírus.

Mas o Ministério da Saúde orienta que as doações são seguras e não podem parar.

Os hemocentros estão preparados, fazendo agendamento de pequenos grupos de doadores, evitando a exposição e aglomeração de pessoas. Cuidados com a higienização das áreas, instrumentos e superfícies também têm sido intensificados.

Doe experiência

Para os que têm alguma experiência no enfrentamento de crises, tente utilizar o que deu certo no passado e que pode ser útil de novo, ainda que seja pelo meio virtual.

Pratique a empatia e a solidariedade!

Cuide de você e cuide dos outros!