Gestão de equipes a distância

por Ascom publicado 29/04/2020 10h31, última modificação 29/04/2020 13h23

LIDERANÇA.png

O atual cenário de pandemia, abruptamente, levou muitos servidores ao trabalho remoto. Enquanto alguns ainda estão se adaptando às novas condições, os gestores procuram também alternativas para manter a liderança remota e garantir a entrega de resultados junto com a equipe.

A seguir, reunimos algumas dicas do professor de economia comportamental e psicologia na Universidade de Duke (EUA), Dan Ariely, para superar os desafios na liderança remota:

  • Construir uma relação de confiança com os colaboradores: Uma maneira de fazer isso é compartilhar abertamente informações com os colaboradores; a transparência mostra confiança e, por sua vez, cria confiança.
  • Despertar a criatividade: A criatividade não é necessariamente uma coisa de grupo. Estar sozinho também pode estimular novas ideias e soluções. E, quando em grupo, as ferramentas de brainstorming podem ser mais eficazes que encontros pessoais.
  • Manter a colaboração: Ferramentas online podem facilitar a troca intensa de ideias e informações, mas esta comunicação não precisa fluir o tempo todo. Ao contrário do que se imagina, intercalar fluxo de mensagens com períodos de silêncio e concentração faz aumentar a colaboração no trabalho remoto.
  • Criar conexão: Eventos sociais virtuais, como happy hours, promovem uma conexão interpessoal que tem o poder de alimentar a amizade e manter a cultura da equipe, mesmo a distância.

A Harvard Business School também compartilhou algumas dicas de como os líderes podem apoiar seus times no trabalho remoto:

  • Ser mais flexível: É importante conhecer os desafios que os colaboradores enfrentam para manter o foco no trabalho em meio às demandas da família. Neste caso, é interessante permitir que eles escolham o melhor horário para fazer o trabalho ou concluir uma tarefa.
  • Reavaliar a carga de trabalho: Cientes do que os colaboradores podem e não podem entregar, trabalhando em casa, os gestores podem reavaliar a carga de atividades e substituir ou ajustar alguns projetos.
  • Otimizar as reuniões: Considere rever o número total e a extensão das reuniões. Adote uma agenda clara e objetiva. Reserve as conversas virtuais apenas para a tomada de decisões, antecipando informações e ideias por e-mail.
  • Focar nos resultados: Uma boa alternativa também é tirar o foco do monitoramento e controle e direcioná-lo para a entrega de resultados. Em vez de acompanhar cada ação do colaborador, o líder deve estabelecer metas e medidas individuais de produtividade, baseada em resultados e produtos.

Então, líderes, intensifiquem a motivação, o apoio e a comunicação com suas equipes em trabalho remoto.

É preciso, mais do que nunca, manter o foco e o bom funcionamento do serviço público!